Nascimento

O nascimento de um bebé é sempre motivo de alegria. Passadas as primeiras horas desse maravilhoso acontecimento cabe ao pai informar a restante família e amigos. Atualmente e com todos os meios de comunicação esta “boa nova” rapidamente se difunde. Após a comunicação é natural que se sucedam as visitas. Continue reading

Boas Maneiras em período de férias

Agosto é, por norma, mês de eleição para férias. Este período tende a proporcionar alterações de rotinas e comportamentos. Pode parecer fácil, mas partilhar tarefas, espaços ou atividades,  exige atenção redobrada ao comportamento e às  Boas Maneiras. Lembre-se, respeite para ser respeitado.

Continue reading

Boas Maneiras das crianças na escola

Atualmente,  a família é constituída, na maioria dos casos, pelo casal e pela(s) criança(s), o que leva a que passem, desde muito novas, grande parte do seu dia na escola/colégio, ao contrário do que se passava nas gerações dos nossos pais ou avós.

Cada escola/colégio tem o seu regulamento interno e uma leitura “familiar” será uma preciosa ajuda para pais e filhos. Evitará problemas futuros e em conjunto com as regras de boas maneiras permitirá uma vivência escolar, saudável  pautada pelo respeito da criança por si  e pelos outros.

Continue reading

As Crianças!!

Que as crianças são o futuro, todos saEtiquette-Basics-for-Childrenbemos!

Quem não gosta de crianças bem comportadas??

As crianças são o reflexo da educação que lhes é transmitida pelos adultos. Antes de responsabilizar a criança por um comportamento desadequado, numa determinada situação, pense se em casa lhe explicou como se deveria comportar. A minha máxima é que a educação se dá em casa.

Sem a pretensão de ser “a lista de regras”, é  “a minha lista de regras”, que tento transmitir ao meu filho. Espero que seja útil!

Ensine o seu filho a:

  • Apresentar-se.
  • Dizer: Bom dia, Boa tarde ou Boa noite, a qualquer pessoa.
  • Saber estar.
  • Saber portar-se à mesa e pedir licença para sair.
  • Utilizar linguagem adequada e não dizer asneiras.
  • Saber receber os convidados em sua casa, sejam adultos ou os seus amigos.
  • Saber atender o telefone.
  • Saber dizer “não”, com educação.
  • Pedir desculpa se for contra alguém.
  • Não mexer no nariz e se espirrar que deve lavar as mãos de seguida.
  • Não mexer em nada que não seja seu, sem autorização.
  • Falar baixo.

Mas antes de terminar e como habitualmente lhe chamo, as “palavrinhas mágicas”, que não passam de moda e são essenciais no nosso dia-a-dia: “Obrigada/o” e “Por favor”. Estas palavrinhas não só para as crianças, mas para todos nós.

Até breve!